Escola de Contas leva Na Ponta do Lápis para Guaxupé

Bymariana.oliveira

Na última semana, o Tribunal de Contas esteve em Guaxupé, para a primeira rodada dos Encontros Técnicos de 2020. Dentre as atividades, a diretora da Escola de Contas, Naila Garcia Mourthé, e a assessora Fabrícia Oliveira, estiveram na Escola Estadual Nossa Senhora Aparecida, para apresentação e divulgação do aplicativo Na Ponta do Lápis. A atividade de conscientização e informação foi realizada com diretores e professores, além dos alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA). 

Durante as atividades, Naila e Fabrícia fizeram uma contextualização das funções do Tribunal de Contas e debateram sobre aplicações do dinheiro público e corrupção, reforçando a importância do controle social para a qualificação da gestão pública. 

O Programa Na Ponta do Lápis foi criado pelo Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCEMG) em 2017, e tem por objetivo fiscalizar a aplicação dos recursos públicos na área educacional e analisar a infraestrutura do ensino nas cidades. Por meio de um aplicativo, gratuito, alunos, pais e comunidade podem avaliar a qualidade da unidade escolar, informando problemas e fazendo sugestões. Os diretores têm acesso a uma plataforma, em que devem responder às demandas da comunidade. Esse monitoramento deve ser rotineiro, para não deixar demandas sem serem vistas e respondidas por muito tempo. Quanto mais demandas a escola tiver, significa mais interação e preocupação da comunidade com sua escola. 

O Programa Na Ponta do Lápis objetiva aproximar a comunidade escolar dos gestores da educação pública, buscando soluções para os problemas do cotidiano nas unidades de ensino. O programa fortalece as atuações dos controles externo e social, além de desenvolver ações educativas e de apoio aos gestores das políticas públicas.

Lucas Borges/ Coordenadoria de Jornalismo e Redação 

mariana.oliveira administrator

X