TCEMG participa de evento sobre educação financeira nas escolas públicas

Bymariana.oliveira

O Tribunal de Contas do Estado de Minas participou do evento “Educação Financeira e Empreendedora nas Escolas de Ensino Fundamental”, organizado em parceria entre o Banco Central do Brasil e o Sebrae-MG, na terça-feira (21/05/19). A diretora da Escola de Contas e Capacitação do TCEMG, Naila Mourthé, compôs a mesa de abertura do evento, acompanhada do chefe do Departamento de Promoção da Cidadania Financeira do Banco Central, Luís Mansur, do diretor-técnico do Sebrae/MG, João Cruz, e da representante da Secretaria de Estado de Educação (SEE), Cláudia Rodrigues. Os debates fazem parte da 6ª Semana Nacional de Educação Financeira, organizada pelo Comitê Nacional de Educação Financeira (clique aqui e conheça mais).

Naila citou o Programa Na Ponta do Lápis, desenvolvido pelo TCEMG visando o fomento à educação, com base no monitoramento das 20 metas e 254 estratégias estabelecidas pelo Plano Nacional de Educação. A diretora ressaltou o apoio do Sebrae/MG na difusão do programa pelo estado e reforçou uma nova metodologia de ação do TCEMG para os próximos anos. “Temos como um dos pilares da atual gestão do Tribunal a educação fiscal dos municípios, e ainda este ano estaremos percorrendo o estado para difundir essa ideia”.

002
Diretora da Escola de Contas participa da 6ª Semana Nacional de Educação Financeira

O evento faz parte de um programa do Banco Central que visa a implementação de educação financeira e empreendedora para alunos do ensino fundamental de escolas públicas. As unidades terão acesso a uma plataforma online com conteúdo e orientação dos temas, que serão integrados a disciplinas obrigatórias, como matemática, português e ciências. Luís Mansur destacou a importância da educação financeira começar a ser difundida ainda nas escolas. “A juventude tem caraterísticas específicas que lhe permite absorver mais facilmente os ensinamentos. As experiências já desenvolvidas na área mostram que nossas crianças e jovens levam seus conhecimentos para casa e melhoram a vida financeira de suas famílias”.

03

O diretor-técnico do Sebrae/MG, João Cruz, afirmou que a instituição está comprometida com uma base educacional empreendedora e austera. “Não temos dúvidas que a educação é o melhor caminho para transformar a sociedade brasileira. Ressalto a participação dos municípios nesse evento, pois as escolas estão nas cidades, daí esse comprometimento é ponto fundamental para o sucesso do projeto”. A representante da SEE, Cláudia Rodrigues, informou que o estado está comprometido com o fomento à educação financeira nas escolas públicas. “Podem ter na SEE uma parceira para a implementação do projeto. Acreditamos na importância da educação financeira e empreendedora, e os “cases” de sucesso nas escolas mineiras são provas da relevância desse olhar”.

Lucas Borges / Coordenadoria de Jornalismo e Redação

mariana.oliveira administrator

X